30 seconds ago

30stmI

Então, esse mês faz dois anos que eu fui no último show do 30 seconds to mars. É um mês triste pra mim, mas principalmente para aqueles que vivem a minha volta e têm que ficar agüentando as minhas lamúrias e coisas do tipo. Semana retrasada eu estava revivendo o momento do show como costumeiramente faço nessa época do ano durante o café da tarde. Meus pais acham legal. Meu pai foi no show comigo e se bobear curtiu mais que eu, então ele entra na vibe e fica doidão quando eu fico revivendo os momentos do show. Minha mãe e minha irmã também parecem estar bem quando eu começo (ou são excelentes atrizes). Já o meu irmão precisa ficar afastado das facas de pão ou qualquer coisa cortante, porque eu sei que ele sente vontade de se matar (e de me matar) quando eu começo. Então, ele me jogou uma praga. Falou coisas horríveis e eu dei risada. No dia seguinte quando eu entrei na internet havia felicitações em todas as minhas redes sociais me informando que o 30 seconds viria fazer um show aqui no Brasil. Viva(? ) Não. Rio de Janeiro, Rock in Rio, não é bom agouro. Aliás é um péssimo agouro. Na verdade é praga de irmão. Show da sua banda favorita de todos os tempos em festival?
Eu quis personificar a teenager, me trancar no quarto e chorar. E eu fiz isso, mas sem a parte do choro. Fiquei lembrando do dia que eu, não contente em dormir na fila, subir no palco, e quase fraturar uma costela, resolvi que queria ir até a MTV pra tentar a sorte e ser feliz. Mas, brasileiro é uma tristeza e só faltou carregar o cinegrafista que tava na porta de souvenir. Assim sendo, não deixaram ninguém entrar, tirar foto e nhé nhé nhé. Me recolhi à insignificante figura do poste e fiquei esperando por nada.
Quando eles foram embora fui comer na lanchonete na esquina da MTV mesmo, porque nem tinha mais força pra andar um quarteirão, e eu estava de salto. (Alto. Sério). Sentei inconformada no banquinho e pedi sei lá o que sem carne pra garçonete que não era lá muito jovem. Ela deve ter notado minha cara de desânimo e com certeza reconheceu o rosto de outros duzentos negos que passaram por essa decepção ali mesmo. Então numa tentativa inútil de me fazer melhorar a cara de desgosto, perguntou:
– Sabe quem já sentou bem aí onde você ta?
Meu cérebro devolveu imediatamente um “Foda-se, nem quero saber”. Ainda bem que minha boca é forte e segurou. Me limitei a um “não, quem?
– Bon Jovi!
Fiquei de boca aberta, porque com certeza ela me surpreendeu. Eu achei que ela fosse soltar um Luan Santana, Rodriguinho dos Travessos… mas, não. Era o F*cking Bom Jovi!

***
Saí do meu quarto e como boa irmã que eu sou, fui me vingar na minha irmã (que não tinha nada a ver com a história e) que tem mais de trinta (HAHA), mas, não só já curtiu Bon Jovi como é também uma ex-noiva dele.

nickass

Anúncios

Uma opinião sobre “30 seconds ago

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s